Caso ex dep. Carli Filho

Posted by in Artigos

Procuradoria Geral da República em Brasília quer que Carli Filho seja julgado pelo tribunal do Júri de Curitiba por duplo homicídio doloso eventual na forma qualificada.

Nota para a imprensa

O Subprocurador-Geral da República, Doutor Francisco Rodrigues dos Santos Sobrinho, que oficia junto ao STJ em Brasília no processo criminal que trata do caso do ex-deputado estadual do Paraná Luiz Fernando Ribas Carli Filho, através do Parecer n. 253/2012 disponibilizado nesta quinta-feira (22/11), opinou pelo provimento do Recurso Especial interposto pelo Ministério Público do Paraná e improvimento do recurso da defesa interposto pelo advogado René Ariel Dotti. Figura como Relator o Ministro Sebastião Reis Jr. da Sexta Turma.

O advogado Elias Mattar Assad, que figura na acusação representando a família d a vítima Yared, declarou que o parecer da PGR quando opina pelo provimento do recurso da acusação, entende que Carli Filho deve ser julgado por duplo homicídio doloso eventual na forma qualificada e que todas as questões levantadas pela defesa devem ser discutidas e julgadas pelo tribunal do júri de Curitiba e não nos tribunais em Brasília como pretendeu a defesa. Assad prevê que nos próximos dias o Ministro Relator incluirá em pauta para julgamento, estimando que o acusado poderá ser julgado pelo júri em Curitiba já no próximo ano.

Peterson Hofmann

Ass. Imprensa

Relembrando o caso:(clique aqui)