Che Pykasumi – Joan Manuel Serrat

Posted by in Notícias

Che Pykasumi, deliciosa canção guarani, interpretada com a ternura como somente poderia dar Joan Manuel Serrat.
Dizem alguns que se trata de uma história real de amor entre um professor de música Cecílio Valiente que tinha 30 anos, quando conheceu Luisa Carmona de 25 anos.
O amor deles sofreu uma dura interrupção pela oposição da família de Luisa. De repente sua família embarcou em um trem e foram embora e nunca mais se soube deles. Assim, Cecílio escreveu essa deliciosa canção.

Che pykasumi reveve vaekué chehegui rehóvo
oúva ne ange cada pyhare che kéra jopy;
rohayhúgui ai ajepy’apÿva che ne ra’arôvo,
michínte jepépa ndaivevuivéi che mba’embyasy.

Ne añaitégui ndénte aikóva ko’âicha aikove asy
jaikóma rire ku juayhu porâme oñondivete;
resê reveve che rejarei, che motyre’y,
aico cikorey ndavy’amivéi upete guive.

Sin consuelo alguno te sigo queriendo cada amanecer
como sombra voy caminando a solas con mi soledad.
Mis ojos padecen al mirar la casa donde ya no estás.
Corazón transido que me mancha el pecho y me hace sollozar.

Con un leve vuelo de mí te apartaste pequeña torcaz.
Porque no querías que te acariciase el pelo y la piel.
Regresa, te pido, a darme consuelo como sabes tú.
Alivia esta pena que me estruja el ama, Che pykasumi

(Che Pykasumi – interpretação de: Joan Manuel Serrat – Letra de Cecillio Valiente e Música de Eladio Martínez ha José Asunción)

(ap. Ely Silmar Vidal – skype: siscompar – fones: 041-41-99820-9599 (TIM) – 021-41-99821-2381 (CLARO e WhatsApp) – 015-41-99109-8374 (VIVO) – 014-41-98514-8333 (OI) – imagens da internet)

Que o Espírito Santo do Senhor nos oriente a todos para que possamos iluminar um pouquinho mais o caminho de nossos irmãos, por isso contamos contigo.

Se esta mensagem te foi útil, e achas que poderá ser útil a mais alguém, ajude-nos:

(ficaremos muito gratos que, ao replicar o e-mail, seja preservada a fonte)

leia este texto completo e outros em:

http://www.portaldaradio.com