PM foi recebida a bala em Pau d’Arco

Posted by in Notícias

Em 24 de maio de 2017, na Fazenda Santa Helena, na área rural de Pau d´Arco, a polícia foi acionada por conta de invasores de terras. Consta que ao chegarem no local, a força policial foi recebida a tiros.
Naturalmente, se uma força policial se desloca a um atendimento e é recebida a tiros, em qualquer lugar do mundo, isso dá asas ao revide, o que resultou na morte de algumas pessoas.
Mas o interessante do fato, é a choradeira do pessoal ligado aos direitos humanos, que sempre nessas ocasiões, aparecem para fazer uso eleitoreiro do fato.
Ocorre que nesta ocasião, o delegado Éder Mauro Cardoso Barra, grava um vídeo e neste sua indignação quanto aos fatos que ocorrem sempre em torno da defesa de bandidos, sob a tutela dos “Direitos Humanos”, que de Direitos Humanos não tem nada.

“Quando morrem bandidos na área rural, em troca de tiros com a polícia, eles viram trabalhadores rurais; quando o bandido morre, na área urbana, na cidade, em troca de tiros com a polícia, eles viram estudantes rapidinho.” – (delegado Eder Mauro)
“Vocês têm que criar vergonha e defender cidadão de bem, defender a família e não bandido” – (delegado Eder Mauro)

Deixo aqui registrado o apoio à linha de pensamento que o delegado e também deputado vem manifestando, pois é de homens assim que nossa nação necessita; porque o resto, ainda está esperando a lei da ideologia de gênero ser aprovada, para descobrir o que eles de fato são.

(ap. Ely Silmar Vidal – skype: siscompar – fones: 041-41-99820-9599 (TIM) – 021-41-99821-2381 (CLARO e WhatsApp) – 015-41-99109-8374 (VIVO) – 014-41-98514-8333 (OI) – mensagem 270517 – PM foi recebida a bala em Pau d’Arco – imagens da internet)

Que o Espírito Santo do Senhor nos oriente a todos para que possamos iluminar um pouquinho mais o caminho de nossos irmãos, por isso contamos contigo.

Se esta mensagem te foi útil, e achas que poderá ser útil a mais alguém, ajude-nos:

(ficaremos muito gratos que, ao replicar o e-mail, seja preservada a fonte)

leia este texto completo e outros em:

http://www.portaldaradio.com