Conspiração para intimidar Neemias

By Portal da Radio

j

May 22, 2024

“Sucedeu que, ouvindo Sambalate, Tobias, Gesém, o árabe, e o resto dos nossos inimigos, que eu tinha edificado o muro, e que nele já não havia brecha alguma, ainda que até este tempo não tinha posto as portas nos portais, Sambalate e Gesém mandaram dizer-me: Vem, e congreguemo-nos juntamente nas aldeias, no vale de Ono. Porém intentavam fazer-me mal.
E enviei-lhes mensageiros a dizer: Faço uma grande obra, de modo que não poderei descer; por que cessaria esta obra, enquanto eu a deixasse, e fosse ter convosco? E do mesmo modo enviaram a mim quatro vezes; e da mesma forma lhes respondi.
Então Sambalate ainda pela quinta vez me enviou seu servo com uma carta aberta na sua mão; e na qual estava escrito: Entre os gentios se ouviu, e Gasmu diz: Tu e os judeus intentais rebelar-vos, então edificas o muro; e tu te farás rei deles segundo estas palavras; e que puseste profetas, para pregarem de ti em Jerusalém, dizendo: Este é rei em Judá; de modo que o rei o ouvirá, segundo estas palavras; vem, pois, agora, e consultemos juntamente.
Porém eu mandei dizer-lhe: De tudo o que dizes coisa nenhuma sucedeu; mas tu, do teu coração, o inventas.
Porque todos eles procuravam atemorizar-nos, dizendo: As suas mãos largarão a obra, e não se efetuará. Agora, pois, ó Deus, fortalece as minhas mãos.
E, entrando eu em casa de Semaías, filho de Delaías, o filho de Meetabel (que estava encerrado), disse ele: Vamos juntamente à casa de Deus, ao meio do templo, e fechemos as portas do templo; porque virão matar-te; sim, de noite virão matar-te.
Porém eu disse: Um homem como eu fugiria? E quem há, como eu, que entre no templo para que viva? De maneira nenhuma entrarei.
E percebi que não era Deus quem o enviara; mas esta profecia falou contra mim, porquanto Tobias e Sambalate o subornaram.
Para isto o subornaram, para me atemorizar, e para que assim fizesse, e pecasse, para que tivessem alguma causa para me infamarem, e assim me vituperarem.
Lembra-te, meu Deus, de Tobias e de Sambalate, conforme a estas suas obras, e também da profetisa Noadia, e dos mais profetas que procuraram atemorizar-me.
Acabou-se, pois, o muro aos vinte e cinco do mês de Elul; em cinqüenta e dois dias.
E sucedeu que, ouvindo-o todos os nossos inimigos, todos os povos que havia em redor de nós temeram, e abateram-se muito a seus próprios olhos; porque reconheceram que o nosso Deus fizera esta obra.
Também naqueles dias alguns nobres de Judá escreveram muitas cartas que iam para Tobias; e as cartas de Tobias vinham para eles.
Porque muitos em Judá lhe eram ajuramentados, porque era genro de Secanias filho de Ará; e seu filho Joanã se casara com a filha de Mesulão, filho de Berequias.
Também as suas boas ações contavam perante mim, e as minhas palavras transmitiam a ele; portanto Tobias escrevia cartas para me atemorizar.” (Ne 6:1-19)

Eram muitos os inimigos, mas podemos nominar Sambalate, Tobias, Gesém, o árabe, e outros inimigos que souberam do que Neemias estava a fazer, e o desejo deles era fazer com que ao menos Neemias parasse com a grande obra.

Ao que Neemias respondeu: “Estou fazendo um grande trabalho e não posso parar. Por que eu deveria parar o trabalho para ir ao encontro de vocês?”

Eles tentavam amedrontar a Neemias com mentiras e outras artimanhas.

Neemias ora a Deus: “Agora, ó Deus, fortalece as minhas mãos.”

Subornaram e engambelaram a muitos, com o objetivo único de intimidar a Neeamias.

Até mesmo a Semaías, filho de Delaías, filho de Meetabel, eles subornaram, porque este disse a Neemias: “Vamos ao templo de Deus, ao meio do templo, e fechemos as portas, porque virão te matar. Sim, virão à noite para te matar.”

Mas, porque estava na direção do divino Espírito Neemias respondeu: “Um homem como eu fugiria? E quem há, como eu, que poderia entrar no templo e ainda viver? De maneira nenhuma entrarei.” Assim, Neemias percebeu que Semaías não fora enviado por Deus, mas que ele havia sido subornado por Sambalate e pelos demais.

Em cincoenta e dois dias o muro foi terminado, e todos que viram a obra temeram e se sentiram humilhados, pois reconheceram que Deus tinha realizado essa obra.

No texto de Neemias 6, resta clara a determinação e a fé de Neemias em meio às muitas conspirações e intimidações dos inimigos enquanto Neemias liderava a reconstrução do muro de Jerusalém.

(ap. Ely Silmar Vidal – Teólogo: COJAE 0001-12-PF-BR; Psicanalista: CONIPSI CIP: 0001-12-PF-BR; Jornalista: DRT-9597/PR e presidente do CIEP – Clube de Imprensa Estado do Paraná)

Contato:
(41) 98514-8333
(41) 99109-8374
(41) 99821-2381 e 99820-9599 (WhatsApp)

Mensagem 21052024 – Conspiração para intimidar Neemias – (autoria desconhecida – imagens da internet)

Os trabalhos que desenvolvo, não visam lucros financeiros, e são, apenas divulgação do que acho interessante para conhecimento geral, por isso, não monetizo.

Que o Espírito Santo do Senhor nos oriente a todos para que possamos iluminar um pouquinho mais o caminho de nossos irmãos, por isso contamos contigo.

Se a mensagem foi útil, e acha que pode ajudar alguém, divulgue: (ao replicar, preserve a fonte)

Siga-nos: https://youtu.be/wWh5ZRS9qso

Texto completo e outros em: http://www.portaldaradio.com

@elyvidal @radiocrista @pastorelyvidal @conipsip @CiepClube
#FalaPortaldaRadio #conipsi #cojae #dojae

Publicações Recentes

O tempo é o presente

"E os homens tomaram aquele presente, e dinheiro em dobro em suas mãos, e a Benjamim; e...

0 Comments

Submit a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *