Desperta ó tu que dormes

By Portal da Radio

j

November 4, 2021

“Mas todas as coisas, quando reprovadas pela luz, se tornam manifestas; porque tudo que se manifesta é luz.
Pelo que diz: Desperta, ó tu que dormes, levanta-te de entre os mortos, e Cristo te iluminará.
Portanto, vede prudentemente como andais, não como néscios, e sim como sábios,
remindo o tempo, porque os dias são maus.
Por esta razão, não vos torneis insensatos, mas procurai compreender qual a vontade do Senhor.” (Ef 5:13-17)

“Ouvi isto, casa de Jacó, que vos chamais pelo nome de Israel e saístes da linhagem de Judá, que jurais pelo nome do Senhor e confessais o Deus de Israel, mas não em verdade nem em justiça.
(Da santa cidade tomam o nome e se firmam sobre o Deus de Israel, cujo nome é Senhor dos Exércitos.)
As primeiras coisas, desde a antiguidade, as anunciei; sim, pronunciou-as a minha boca, e eu as fiz ouvir; de repente agi, e elas se cumpriram.” (Is 48:1-3)

Está sendo dito à casa do povo de Deus que devem ser despertados por que vem aí o Senhor, e a sua justa ira será completa.
Não imagine você, que qualquer um poderá escapar, não escaparão de forma alguma.
O recado que está sendo dado é justamente a esta nação, a fim de que o povo entenda que todos esses sinais que estão evidentes, não são de pura aparência.
O despertar da Igreja se faz necessário e urgente, porque a vinda do Filho do Homem está próxima demais para que alguém duvide disso.
E tudo isso que acontece, acontece por conta de nossa infidelidade para com o Deus de Israel.
Tudo vem sendo anunciado desde a fundação do mundo.
Deus em momento algum deixou que você, ou eu, ficássemos no escuro, em todo o tempo Ele nos avisa, quer seja, por sinais, ou mesmo pela boca de profetas acerca dos acontecimentos.

“Porque eu sabia que eras obstinado, e a tua cerviz é um tendão de ferro, e tens a testa de bronze.
Por isso, to anunciei desde aquele tempo e to dei a conhecer antes que acontecesse, para que não dissesses: O meu ídolo fez estas coisas; ou: A minha imagem de escultura e a fundição as ordenaram.
Já o tens ouvido; olha para tudo isto; porventura, não o admites? Desde agora te faço ouvir coisas novas e ocultas, que não conhecias.
Apareceram agora e não há muito, e antes deste dia delas não ouviste, para que não digas: Eis que já o sabia.
Tu nem as ouviste, nem as conheceste, nem tampouco antecipadamente se te abriram os ouvidos, porque eu sabia que procederias mui perfidamente e eras chamado de transgressor desde o ventre materno.” (Is 48:4-8)

Porém, como você tem sido muito duro e não ouve e não deixa que ouçam a voz do Senhor; e além disso, fica a todo tempo dando o crédito a satanás e a seus asseclas no que concerne à obra do Senhor, é que então o Senhor agora te ordena, para que olhe a tudo à tua volta e passe a admitir que sim, tem sido a boa mão de Deus que tem feito todas essas coisas que aí estão.
Por isso você está recebendo esta informação, para que não diga e ninguém possa dizer que não sabia, ou que não conhecia, porque afinal o Senhor se antecipou e novamente te trouxe as novas do que irá acontecer.

“Por amor do meu nome, retardarei a minha ira e por causa da minha honra me conterei para contigo, para que te não venha a exterminar.
Eis que te acrisolei, mas disso não resultou prata; provei-te na fornalha da aflição.
Por amor de mim, por amor de mim, é que faço isto; porque como seria profanado o meu nome? A minha glória, não a dou a outrem.
Dá-me ouvidos, ó Jacó, e tu, ó Israel, a quem chamei; eu sou o mesmo, sou o primeiro e também o último.
Também a minha mão fundou a terra, e a minha destra estendeu os céus; quando eu os chamar, eles se apresentarão juntos.” (Is 48:9-13)

Entretanto agora, por amor do meu santo e sagrado nome é que as coisas se apressam a acontecer.
O objetivo é não perder a nenhuma só alma, porém, ainda assim, está em tuas mãos, e em teu tempo que saia e vá em busca de fazer algo em favor de teus irmãos.
Abra a tua boca e grita, proclama o nome do Senhor.
Lembre aos povos que Ele não abre mão de sua glória e que essa mesma glória, Ele não a dá a ninguém, e também não a divide com ninguém.
O Senhor a você te clama que se lembre sempre de que deves amar acima de tudo e sobre tudo a Deus, que é o Todo Poderoso, que é o Deus de Abraão, de Isaque e de Jacó, em nome de Nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo de Nazaré…
Tudo por mim foi feito e nada do que tenha sido feito, o foi sem a minha autorização e sem que eu sendo o primeiro e o último não o tenha autorizado.
Não esqueçam, a natureza também faz parte do meu exército, e quando eu os chamar, a mim é que atenderão.
Pela minha voz se levantarão, e a meu mando é que poderão se acalmar.

“Ajuntai-vos, todos vós, e ouvi! Quem, dentre eles, tem anunciado estas coisas? O Senhor amou a Ciro e executará a sua vontade contra a Babilônia, e o seu braço será contra os caldeus.
Eu, eu tenho falado; também já o chamei. Eu o trouxe e farei próspero o seu caminho.
Chegai-vos a mim e ouvi isto: não falei em segredo desde o princípio; desde o tempo em que isso vem acontecendo, tenho estado lá. Agora, o Senhor Deus me enviou a mim e o seu Espírito.
Assim diz o Senhor, o teu Redentor, o Santo de Israel: Eu sou o Senhor, o teu Deus, que te ensina o que é útil e te guia pelo caminho em que deves andar.
Ah! Se tivesses dado ouvidos aos meus mandamentos! Então, seria a tua paz como um rio, e a tua justiça, como as ondas do mar.” (Is 48:14-18)

Portanto, ajuntem-se enquanto ainda é tempo, e ouçam a voz daquele que a tem anunciado desde sempre.
Por esse motivo neste momento te chamo e te mando para que vá a todos e diga a todos as coisas que acontecerão.
Não precisa de mais nenhuma informação, a não ser de tudo o que está acontecendo à tua volta e que dá testemunho do que lhe digo neste momento.
Por esse motivo é que o Senhor te chamou e te trouxe até este ponto, a fim de que faças o que és mandado a fazer, para que seu caminho seja próspero.
Por esse motivo o Senhor te envia o seu Espírito e te unge para que faças conhecido os caminhos do Senhor por onde quer que andes.
Basta apenas que siga o que o Senhor te ensina, pois assim fazendo a tua paz será como um rio, e a tua justiça, como as ondas do mar.

“Também a tua posteridade seria como a areia, e os teus descendentes, como os grãos da areia; o seu nome nunca seria eliminado nem destruído de diante de mim.
Saí da Babilônia, fugi de entre os caldeus e anunciai isto com voz de júbilo; proclamai-o e levai-o até ao fim da terra; dizei: O Senhor remiu a seu servo Jacó.
Não padeceram sede, quando ele os levava pelos desertos; fez-lhes correr água da rocha; fendeu a pedra, e as águas correram.
Para os perversos, todavia, não há paz, diz o Senhor.” (Is 48:19-22)

Também a tua descendência será próspera e tão numerosa quanto os grãos de areia.
Anuncia que o fim está próximo e que o Senhor cedo virá para buscar os remanescentes.

(ap. Ely Silmar Vidal – Teólogo: COJAE 0001-12-PF-BR; Psicanalista: CONIPSI CIP: 0001-12-PF-BR; Jornalista: DRT-0009597/PR e presidente do CIEP – Clube de Imprensa Estado do Paraná)

Contato:
(41) 98514-8333
(41) 99109-8374
(41) 99821-2381 (WhatsApp)

Mensagem 17102021 – Desperta ó tu que dormes – (imagens da internet)

Aproveito para deixar claro que os trabalhos que tenho desenvolvido, são de pura e simplesmente divulgação do que acho interessante para conhecimento geral, e não busco ganho algum com isto, senão o de transmitir conhecimento.

Que o Espírito Santo do Senhor nos oriente a todos para que possamos iluminar um pouquinho mais o caminho de nossos irmãos, por isso contamos contigo.

Se a mensagem foi útil, e acha que pode ser útil a mais alguém, divulgue:
(ao replicar, preserve a fonte)

leia este texto completo e outros em:

http://www.portaldaradio.com

E siga-nos também através deste link: https://youtu.be/NtcV3ik_1es

@elyvidal @radiocrista @pastorelyvidal @conipsip @CiepClube
#FalaPortaldaRadio #conipsi #cojae #dojae

Publicações Recentes

0 Comments

Submit a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *