Pátria Amada

By Portal da Radio

j

October 31, 2020

Pátria Amada Brasil dos brasileiros
Que o seu hino a chama idolatrada,
Que a bandeira foi sempre desfraldada
Por seus filhos amados condoreiros,
Dando ordem e progresso aos timoneiros
Encarnando-os à nacionalidade,
Que o trabalho tira a pátria da grade
Mas os trustes a deixa no escuro,
Pátria amada abra as portas do futuro temos sede de justiça e liberdade.

Pátria amada tu és esta nação
Com criança na rua abandonada,
Com famílias dormindo na calçada
Bem ao lado do quarto da mansão,
Que a política só cheira a corrupção
Que seus filhos estão na orfandade,
No país, no estado e na cidade
O futuro se encontra inseguro,
Pátria amada abra as portas do futuro
Temos sede de justiça e liberdade.

Pátria amada desarma esses grilhões
Que massacra a classe operária,
Que impede vir a reforma agrária
Que atua em todas as facções,
Que desfila em todos os cordões,
Que manobra toda sociedade
Que domina toda humanidade,
Que governa de costas sobre o muro,
Pátria amada abra as portas do futuro
Temos sede de justiça e liberdade.

Se não fosse a miséria pátria amada
Não havia miseráveis pátria amarga,
Se o poder dessa barganha não larga
Se a política socialista é de fachada,
Se a indústria da seca é fabricada
Se a fome se combate na metade,
Se a esmola se dá por caridade
Se as crianças estão no lixo e no monturo,
Pátria amada abra as portas do futuro
Temos sede de justiça e liberdade.

Pátria amada paraíso dos safados
Que Antônio de Moraes disse um dia,
O nepotismo do trem da alegria
Mensalão de Senadores e deputados,
Dos cartões corporativos escancarados
Ficha suja marcando improbidade,
São escândalos que todo dia invade
As parlendas de um congresso impuro,
Pátria amada abra as portas do futuro temos sede de justiça e liberdade.

Pátria amada país dos arrozeiros
Que o país do arroz em toda pasta,
Que a política é a coisa mais nefasta
Patriotas! Entre aspas, carcereiros, Pátria amada da máfia dos banqueiros Pátria amada dos pobres atrás da grade
Pátria amada que traz desigualdade,
Pátria amada do laço do perjuro,
Pátria amada abra as portas do futuro
Temos sede de justiça e liberdade.

Pátria amada é Felipe Camarão
Rui Barbosa, Castro Alves, Jorge Amado,
Carlos Gomes, Prestes, Celso Furtado,
Conselheiro, Zumbi e Lampião,
Chico Mendes, Gregório, Gonzagão,
Tiradentes, Sena, Drummond de Andrade,
Irmã Dulce e Dom Helder na verdade
Gritam dentro do túmulo obscuro,
Pátria amada abra as portas do futuro
Temos sede de justiça liberdade.

Pátria amada, eu sou filho da boiada, mas não tenho lugar na Pátria amada.

(Amaro Poeta da cidade de Paulista no Pernambuco, autor e declamador do poema: Pátria Amada)

E eu, utilizando-me do que muitos atribuem a Voltaire, digo:
“Posso não concordar com o que você diz, mas defenderei até a morte o seu direito de dizê-lo” – (Evelyn Beatrice Hall)

(ap. Ely Silmar Vidal – Teólogo: COJAE 0001-12-PF-BR; Psicanalista: CONIPSI CIP: 0001-12-PF-BR; Jornalista: DRT-0009597/PR e presidente do CIEP – Clube de Imprensa Estado do Paraná)

Contato:
(41) 98514-8333 (OI)
(41) 99109-8374 (OI)
(41) 99821-2381 (WhatsApp)

Mensagem 31102020 – Pátria Amada – (poema escrito e declamado por Amaro Poeta)

Aproveito para deixar claro que os trabalhos que tenho desenvolvido, são de pura e simplesmente divulgação do que acho interessante para conhecimento geral, e não busco ganho algum com isto, senão o de transmitir conhecimento.

Que o Espírito Santo do Senhor nos oriente a todos para que possamos iluminar um pouquinho mais o caminho de nossos irmãos, por isso contamos contigo.

Se esta mensagem te foi útil, e achas que poderá ser útil a mais alguém, ajude-nos: (ficaremos muito gratos que, ao replicar o e-mail, seja preservada a fonte)

leia este texto completo e outros em:

https://open.lbry.com/@iess:5/Pátria-Amada:0

http://www.portaldaradio.com

@elyvidal @radiocrista @pastorelyvidal @conipsip @CiepClube
#FalaPortaldaRadio #conipsi #cojae #dojae

Publicações Recentes

Desmandos generalizados

O que dizer da atitude de homens que fardados estão aterrorizando homens e mulheres de bem em todo...

0 Comments

Submit a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *